Propostas para melhorias públicas foram abordadas durante o evento.

Assistência social significa trabalhar para que a população mais desfavorecida tenha acesso aos seus direitos fundamentais. Por esse motivo, na manhã desta quarta-feira, 22, foi realizada a I Conferência Democrática de Assistência Social, no Centro de Educação Permanente (Cedup) para discussão de propostas.

Estiveram participando do evento segmentos como os usuários da assistência social, beneficiários, trabalhadores do sistema e instituições convidadas. Foram pautados assuntos importantes de avaliação sobre o momento em que a região se encontra e para somar novas ideias.

“O objetivo dessa conferência é estarmos avaliando as políticas públicas, porque compreendemos a fragilidade das pessoas de extrema pobreza, porque todo cidadão precisa ter seus direitos básicos como transportes públicos e geração de renda. Então esses são pontos importantes, pelo motivo que as pessoas precisam de mais dignidade, ” endossou, Vanda Matos, conselheira do Conselho Estadual da Assistência Social.

Portanto, foi importante o evento para decifrar a realidade e construir propostas de trabalho criativas e capazes de preservar e efetivar direitos, a partir de demandas emergentes no cotidiano. Como destacou Keiliane Cordeiro, secretária municipal de assistência social.

“Nessa conferência nós elaboramos propostas para melhorias públicas que nós aplicamos no município e depois vão para as conferências estaduais e após nacionais. Nós esperamos que Cruzeiro do Sul tenha boas propostas e consiga chegar a esfera federal, ” disse ela.

Data de publicação: 23/10/2019

Créditos das Fotos: Ismael Medeiros

Compartilhe!