Com o propósito de oferecer maior qualidade de vida para população cruzeirense, o prefeito de Cruzeiro do Sul articula a construção de 1300 casas populares.

Ilderlei Cordeiro articula construção de 1300 casas populares em Cruzeiro do Sul

Com o propósito de oferecer maior qualidade de vida para população cruzeirense, o prefeito de Cruzeiro do Sul articula a construção de 1300 casas populares no município, através da Defesa Civil, por meio do Ministério da Integração, e uma parceria com a caixa Econômica Federal. O prefeito esteve em Rio Branco, junto com um representante de construtoras da cidade, Jairo Correia, onde foram recebidos pelo Superintendente da Caixa no Acre, Márcio Fiod.

Na ocasião foram repassadas as informações necessárias para execução do projeto em Cruzeiro do Sul. A previsão inicial é que as mil casas construídas por meio do Ministério da Integração serão doadas para pessoas que residem em local de risco e com baixa renda. Já as outras 300 fazem parte da parceria de financiamento pela Caixa Econômica , voltada para servidores.
O representante das construtoras, Jairo Correia, ressaltou a importância do projeto para o desenvolvimento social e econômico do município.

“É algo bem proveitoso, pois sendo uma necessidade para o município e para atender a população ribeirinha, e ainda o aumento de recursos para o próprio comércio. A vinda desse recurso, através do ministério, é algo impactante para o município. Ficamos felizes pelo prefeito ter nos chamado, toda a classe em uma reunião, vamos iniciar os projetos e cada um dar a contribuição devida. Debatemos junto com a Caixa, o que é necessário para o cadastro de cada construtor, e saber o que é mais adequado para aplicar aqui em Cruzeiro do Sul”, enfatizou.

O prefeito Ilderlei Cordeiro enfatizou a importância da reunião em Rio Branco com o superintendente da Caixa, e garantiu que o processo já está bem avançado.
“Fizemos a primeira reunião em Cruzeiro do Sul, com o Carlos Afonso Cipriano, que é o presidente do Sindicato da Indústria de Construção Civil, a Sinduscon, e mais 12 empresários da área de construção, e com isso a gente pode trocar algumas ideias e nos planejarmos para vir até Rio Branco com um representante aqui da construção civil, e fizemos uma reunião com o superintendente da Caixa, o Márcio, quero até parabenizar ele por nos receber tão bem e nos ajudar com tantas informações para prepararmos esse projeto. São casas que vem com preço acessível, até mesmo abaixo de alguns aluguéis, e quem ganha é a população”, destacou.
Segundo Cordeiro, os terrenos onde as casas serão construídas estão sendo providenciados pela prefeitura, através de um levantamento realizado pelo controlador geral do município Tácito Batista.

“Para ficar mais barato ainda o município vai ajudar com terreno e automaticamente alguma infraestrutura, e nas mil casas da mesma forma. É uma parceria que trará benefícios para toda sociedade, gerando emprego, gerando renda, e trazendo cada dia mais uma qualidade de vida para nossa cidade. Estamos buscando, se planejando e correndo atrás. Não apenas sonhando , mas com fé e determinação correndo em busca dessas mil casas doadas e as outras trezentas com um preço mais acessível”, finalizou.

Fonte: Assessoria

Data de publicação: 11/05/2017

Compartilhe!