O edital foi lançado no dia 03 de Julho 2017 com validade até o dia 30 de julho de 2017.

Com o intuito de oferecer melhores condições no atendimento a criança e ao adolescente do município de Cruzeiro do Sul, o Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente lançou um edital de convocação para recadastramento das instituições governamentais e não governamentais que trabalham diretamente com esse público. O edital foi lançado no dia 03 de Julho 2017 com validade até o dia 30 de julho de 2017.

O objetivo desse chamamento as instituições é saber o que está sendo ofertado em beneficio das crianças e adolescentes do município, e também oferecer melhores condições de trabalho de forma mais organizada e em parceria com a prefeitura.

Segundo Rafael Gandara, técnico de apoio do Conselho Municipal dos direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), é importante que as intuições façam esse cadastramento para que possam ter acesso aos recursos oriundos de agentes financiadores.

“As instituições que estão regularmente cadastradas no CMDCA elas tem conseguido recursos de fundações nacionais e até internacionais que tem apoiado ações no nosso município e tem contribuído para que o trabalho flua com melhores condições, sabemos que os recusos financeiros não são fáceis de conseguir, principalmente para essa pasta que não tem muitos recursos, então quando recebemos apóio financeiro fica mais fácil ajudar as instituições que estão devidamente cadastradas, vale a pena ressaltar que caso alguma entidade ou programa esteja comprovadamente atendendo crianças ou adolescentes sem o devido registro no respectivo Conselho Municipal, deverá o fato ser levado de imediato ao conhecimento da autoridade judiciária, Ministério Público e Conselho Tutelar, para a tomada das medidas cabíveis", disse Rafael.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Data de publicação: 17/07/2017

Créditos: Alcione Medeiros

Créditos das Fotos: Ismael Medeiros

Compartilhe!